sexta-feira, 1 de maio de 2009

NO MEU ACORDAR


No meu acordar


Invadi a sua cama,
Penetrei nos teus sonhos,
Enquanto tua língua
Penetrava minha boca.
Invadindo meu sonho
Me molhando com tua saliva.
Deixando teu gosto
No meu acordar.
Estive contigo esta noite.
Pena ter sido
Apenas em sonho.
Ah! Quando a noite chegar...
Quem sabe?


Lucia Andrade

Nenhum comentário: