quarta-feira, 23 de março de 2011

EU SOU ASSIM

A verdade
É que não consigo
Me prender por muito tempo.
Quero o sentimento
Mas não o compromisso.
Gostar,
Ficar,
Sem hora marcada
Ou lugar.
Eu sou assim.
Preciso ser livre
E quando o vento chama
É hora de partir,
Não dá pra ficar.
Há um mundo a descobrir...
Muitas bocas pra beijar
Outros corpos pra sentir.
Eu sou assim.
Preciso da minha solidão,
Do meu espaço,
Da minha essência.
E você,
No arquivo das lembranças
Do meu coração,
Ficará guardado
Para sempre.
É pena,
Mas,
Eu sou assim.

por Lucia Andrade

Nenhum comentário: